Siga-nos nas redes sociais:

CONTATO: (21) 3830-5448

Entenda o revestimento da sua cadeira

Materiais para revestimento de Poltronas e cadeiras

“Couro, couro ecológico, couro sintético, símile couro, Courvim, Corino, ou poliuretano.”

Couro – É um dos materiais mais sofisticados no mercado, é o produto oriundo exclusivamente de pele animal curtida por qualquer processo, utilizada como material nobre para a confecção de diversos artefatos para o uso humano e de animais, tais como: sapatos, cintos, carteiras, bolsas, malas, pastas, casacos, chapéus, coleiras, selas de cavalo, entre outros. O ser humano faz uso do couro a milhares de anos.

O couro passa por diversos processos químicos para aumentar sua durabilidade. Metais pesados como o cromo e outros materiais são usados para garantir que o couro não apodreça

Couro Ecológico – Também obtido por fonte animal, porém, com um processo químico mais verde que gera menos resíduos nocivos ao meio ambiente.

O termo “Couro legítimo” não se aplica, pois, se não for legítimo, não é couro.

Materiais sintéticos

Nos últimos anos, ampliou-se consideravelmente o mercado de materiais sintéticos, em substituição ao couro.

Materiais sintéticos são aqueles que não possuem fibras naturais em sua composição.

Os revestimentos sintéticos que se assemelham ao couro são: Corinos, courvins e os poliuretanos(PU).

Corinos e corvins são 100% PVC e não possuem poliuretano.

Corinos – Possuem uma malha tipo lã na parte inferior, pode ter diversas cores e espessuras, e a gravação também varia, podendo ser estampado, liso, ou ter ranhuras. È o tipo mais comum.

Courvim –  Tem uma malha menos densa na parte inferior, parecendo por vezes uma tela, podendo ser de nylon, algodão ou sarja, é mais espesso que o courino e o mais resistente dos revestimentos sintéticos, mas bem menos maleável, o que dificulta dar a mesma qualidade de acabamento.

Poliuretano (PU) – Possui uma malha tipo sarja na parte inferior, é o que mais se aproxima do couro, tem melhor aparência nas texturas e uma temperatura mais agradável e adequada tanto em regiões frias ou regiões muito quentes, é maleável, oferecendo flexibilidade e dando bom acabamento.

É um material que combina resistência e estética, garantindo um produto final de excelente qualidade. O encontramos sendo chamado por courissimo, couro ecológico ou símile couro.

Couríssimo (ou Kouríssimo) e Corano são marcas, e portanto, só é Couríssimo ou Corano se forem de suas respectivas marcas.

É importante salientar que é proibido por lei o uso da palavra “couro”, como por exemplo “couro sintético” ou “couro vegetal” para qualquer material que não seja de origem animal.

LEI No 4.888, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1965

“Art. 1º Fica proibido pôr à venda ou vender, sob o nome de couro, produtos que não sejam obtidos exclusivamente de pele animal.”

Art. 2º Os produtos artificiais de imitação terão de ter sua natureza caracterizada para efeito de exposição e venda.

Art. 3º Fica também proibido o emprego da palavra couro, mesmo modificada com prefixos ou sufixos, para denominar produtos não enquadrados no art. 1º.

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1950-1969/L4888.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*